Saudade de um beijo

04:34

Sentei-me no escuro com os óculos na ponta do nariz, cheirei a razão e dei ouvidos ao coração: Criei a vontade de um beijo e gradualmente essa vontade tornou-se numa necessidade tão grande que padeço num beijo imaginário enquanto espero pelos seus lábios. Lábios que imagino serem como gotas de orvalho numa manhã de nevoeiro. Lábios como pétalas de uma cerejeira que me caem na barriga amaciando a saudade que lhes sinto. Saudade que perfura os sonhos durante a noite e os abomina com consequências tremendas e inimagináveis. Ultimamente os sonhos passaram a realidades obscuras que enfrento de ânimo e coração abertos sem outra hipótese. Mas mesmo que pudesse escolher, me parece que o caminho mais complicado é aquele que nos dá mais opções de outros caminhos a serem percorridos. Mas a saudade permanece seja qual a opção assinalada nesta vida de escolhas mal tomadas. Tudo permanece escuro quando o interruptor não parece querer acender o panorama embora os caminhos continuem a ser escritos nas linhas do meu corpo, o destino continue a marcar os meus passos e os sonhos continuem a pedir. E a saudade permanece intacta como um grão de areia misturado nos fios dos nossos cabelos que nos incomoda... saudade do coração e dos lábios que nunca beijei. E isso não é saudade, é necessidade.


You Might Also Like

65 comentários

  1. Como saber se esta saudade chegará ao fim, se o desejo do beijo estar sempre presente em sonhos e poesias, lindo texto para abrir com chave de ouro meu domingo, bom dia pra você"! beijos

    ResponderEliminar
  2. "Lábios que imagino serem como gotas de orvalho numa manhã de nevoeiro. Lábios como pétalas de uma cerejeira que me caem na barriga amaciando a saudade que lhes sinto."
    que lindo!
    estes textos são fantásticos :o

    ResponderEliminar
  3. quando é que parás de escrever tãããão bem? :):):)

    ResponderEliminar
  4. uma saudade imensa aliada a uma impossibilidade, que mesmo sendo assim torna os caminhos mais difíceis, os mais desejados.

    ResponderEliminar
  5. Lindo texto. Sempre por aqui.

    http://deletrasasentimentos.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  6. Um dos mais bonitos textos que ja li :o

    ResponderEliminar
  7. ...
    Cadê a continuação? rsrsrsrs...
    Melancolia, desejo e vida! Combinação perfeita para um romance.

    ResponderEliminar
  8. «E isso não é saudade, é necessidade.»

    quando a saudade passa a ser um necessidade é horrível, parece que já nem conseguimos viver!
    gostei muito do teu post :)

    e não sou nada exagerada :p

    ResponderEliminar
  9. Ouvir o coração costuma ser uma coisa boa, mesmo que envolva riscos!Sentir saudades é coisa do coração.Sonhar tb! Seja qual for esse teu sonho que percorres por entre as linhas do teu corpo e da tua existência, deixa que o caminho se faça com amor!

    Cá espero a tua visita, para poder sentir as tuas partilhas!Enriqueçamo-nos! abraço

    ResponderEliminar
  10. Que postagem linda :)
    lembra-te " a saudade é a maior prova que o passado valeu a pena" .

    ResponderEliminar
  11. sou exagerada por dizer verdades?

    ResponderEliminar
  12. "Saudade que perfura os sonhos durante a noite e os abomina com consequências tremendas e inimagináveis. Ultimamente os sonhos passaram a realidades obscuras que enfrento de ânimo e coração abertos sem outra hipótese. "

    Completamente maravilhoso de ler =)

    Gostei muito!

    ResponderEliminar
  13. exagerada nada :o
    sim, o amor, quando verdadeiro vence qqr coisa!

    ResponderEliminar
  14. tudo mt lindo msm!!!
    ameii..
    tenha uma ótima semaninha!!!
    =)

    ResponderEliminar
  15. adorei =)

    ps: podes dizer-m o nome da musica que tens no teu blog ?

    ResponderEliminar
  16. Coisas chatas é favor :s
    A frase do final é perfeita *_*

    ResponderEliminar
  17. De nada ;
    Sim tens razao , um olhar diz tanto Paulinho *

    ResponderEliminar
  18. ñ exagero, tenho razão, naquilo q digo!

    ResponderEliminar
  19. Pois é aqui estou eu (finalmente)! Depois de tanto tempo passado finalmente vim cá ler mais um dos teus magníficos textos, que desta vez mais parece um poema (pelo menos mais de metade).
    Já me sentia mal de não vir cá deixar um comentário, pois já cá tinha passado, mas os teus textos merecem um pouco mais de atenção (tenho que os ler com calma e "digeri-los", para depois os comentar).
    Mas uma coisa não tenho falhado muito (apenas dois dias é que falhei!) a votação do teu texto no Conte Connosco!!!

    Quanto ao teu texto, mais uma vez está magnifico! Tu consegues fazer poesia em texto, é bonito!
    Para não falar, da transmição quase perfeita (mais perfeito será vive-los na realidade)de todos os sentimentos, que apesar de segirem uma conduta/linha possuem agregados mais uma série de sentimentos que fazem parecer que existe uma confusão sentimental, apesar de saber-se perfeitamente que o sentimento principal é apenas só um (peço desculpa se estou enganado na minha percepção/interpretação)
    De qualquer forma este texto está muito bom e gostei muito de o ler. E digo que já sentia saudades de ler algo assim.
    Só tenho pena que agora o meu tempo parece que urge e passa a uma velocidade estontiante, não me deixando grande tempo para vir cá. Pelo que te peço desculpa se não vier cá deixar algumas palavras com a regularidade que outrora fazia!
    Abraço!!!

    ResponderEliminar
  20. Muito muito bom! Muito expressivo!

    ResponderEliminar
  21. Hey, decidi fazer um facebook para O meu reino da noite, por isso não te acanhes e bota um like!
    Beijinhos *

    ResponderEliminar
  22. Oie :$
    Chamei-te eu , isso é bom ?

    ResponderEliminar
  23. não sejas tolo :p
    claro que era uma verdade :)

    ResponderEliminar
  24. Linda mensagem romantica, a necessidade que todos precisam, um dia há de chegar, lindo para agradar o domingo! Muito obrigada pela retribuição de sua visita em meu blog Paulo. Ótimo final de Domingo e perfeita semana. Beijos.

    ResponderEliminar
  25. estás a escrever cada vez melhor, Paulo, adorei *-*

    ResponderEliminar
  26. That is beautiful Paulo. I like the poster that says "I want to believe."

    ResponderEliminar
  27. ' Criei a vontade de um beijo e gradualmente essa vontade tornou-se numa necessidade tão grande que padeço num beijo imaginário enquanto espero pelos seus lábios. Lábios que imagino serem como gotas de orvalho numa manhã de nevoeiro. Lábios como pétalas de uma cerejeira que me caem na barriga amaciando a saudade que lhes sinto. ' - amo o texto mas esta sem duvida é a parte que eu mais venero ! :o

    escreves perfeitamente bem meu querido :3 ADMIROOOO-TE !

    ResponderEliminar
  28. Agradecido ? Nao tens nada de agradecer, nao tens culpa de escreveres tao maravilhosamente e em que as pessoas, por vezes se identifiquem nas tuas palavras :)

    ResponderEliminar
  29. Está bem *
    Tá tudo bem contigo ?
    Parecem distantes as tuas palavras...

    ResponderEliminar
  30. É importante estares bem contigo mesmo !
    o bem estar é essencial , preocupa-te contigo *

    ResponderEliminar
  31. saudades :S
    como tens andado ? e aquele assunto já esta melhor ? :$$

    ResponderEliminar
  32. palavras para quê? este texto diz tudo!
    mais uma vez, és um bom escritor e não me canso de dizê-lo, paulo (:

    ResponderEliminar
  33. Está perfeito (:
    Amei a parte do fim " E isso não é saudade, é necessidade" (: Necessidade, que muitos tentamos recorrer, e não temos, nem sequer sabemos, ou imaginamos como é.
    Obrigado pelas palavras confortantes (:
    Love youuuu <3

    ResponderEliminar
  34. Feliz semana a vc tb. Beijos e obrigada.

    ResponderEliminar
  35. "Lábios como pétalas de uma cerejeira que me caem na barriga amaciando a saudade que lhes sinto.", adoro, adoro, adoro *.*

    ResponderEliminar
  36. hum?
    eu adoro ler estes textos :)

    ResponderEliminar
  37. hum?
    eu adoro ler estes textos :)

    ResponderEliminar
  38. pensa, e vês como tenho razão!

    ResponderEliminar
  39. esculpa mas o teu cometario apareceu em braco

    ResponderEliminar
  40. Há muito que não visitava este teu cantinho, e amei este texto :)

    ResponderEliminar
  41. o problema é que não volta!

    ResponderEliminar
  42. podes manda lo outra vez sfv , (mas escreve sem assentos e que aqui aparece quadrados :S )

    ResponderEliminar
  43. exactamente!
    mas existe muitas pessoas que têm medo de o fazer, porque pensam no que as outras pessoas podem pensar delas, o que não é correcto!

    ResponderEliminar
  44. Como sempre, está lindo , lindo Paulo!
    "Saudade que perfura os sonhos durante a noite e os abomina com consequências tremendas e inimagináveis. Ultimamente os sonhos passaram a realidades obscuras que enfrento de ânimo e coração abertos sem outra hipótese." óh, tão magico!

    ResponderEliminar
  45. nem sempre pensamos assim ou melhor na altura nunca pensamos assim!

    ResponderEliminar
  46. um dos textos mais bonitos que alguma vez li +.+

    ResponderEliminar
  47. "..cheirei a razão e dei ouvidos ao coração: Criei a vontade de um beijo e gradualmente essa vontade tornou-se numa necessidade tão grande que padeço num beijo imaginário enquanto espero pelos seus lábios."
    este texto está tão lindo :')

    ResponderEliminar

« A única pessoa que nunca comete erros é aquela que nunca faz nada. »

Obrigado pela visita *