A tua felicidade é contagiante.

09:40

Gosto de pensar que nos encontrámos mutuamente para tapar o vácuo que alguém um dia se lembrou em criar nos nossos corações. Alguém se lembrou em fazer estragos para nos manchar o sentimento que nutríamos. Criou apenas barreiras ilusórias que nos fizeram perder imenso tempo à procura de um erro causado por nós para que essa relação tenha apenas sido fugaz; o que é certo é que o erro nunca foi nosso pois nunca será errado amar. O interessante disto tudo é que mesmo nos completando desta maneira tão peculiar parece que falta alguma coisa nas nossas pequenas vidas e nos perguntamos do que será. Em vez de uma resposta em concreto apenas ouvimos a respiração um do outro enquanto os meus olhos mergulham no verde tranquilo dos teus. Também não quero respostas pois essas incessantes dúvidas podem acabar por trazer mais e mais questões e, não tenho paciência para acalmar essas palavras de mentes curiosas. Dei-me a ti, confesso, e só espero não chegar a casa com outro pedaço do coração corroído, porque cada vez que o deixava com alguém havia algo que corria menos bem. Sei que contigo é diferente pois em vez de me pedires o coração para ele partilhar a sua felicidade contigo, pedes à tua felicidade que se partilhe com ele. E assim em vez de uma dúvida se criar, há apenas uma lágrima que escorrega quando uma tua se mostra, e há apenas um sorriso esboçado sempre que sinto o teu corpo a pender pelo meu. É partilha de partes que fazem um todo de nós juntos.

You Might Also Like

143 comentários

  1. está tipo fantástico :)

    ResponderEliminar
  2. foi o texto mais lindo que li! Talvez porque cada uma dessas palavras relata grande parte da minha vida !

    ResponderEliminar
  3. Enquanto viva nuna deixarei de sonhar (:
    *Adorei

    ResponderEliminar
  4. simplesmente adoro a maneira como debruças as palvavras, escreves lindamente..parabéns! Espero algum dia alcançar o teu êxito...

    ResponderEliminar
  5. está bem :)
    as saudades são um sentimento tão profundo e que faz sofrer um bocado mas também é uma meneia de nos lembramos de algo *

    ResponderEliminar
  6. Por acaso não. É mau, sinto tudo e ao mesmo tempo não sinto nada.

    ResponderEliminar
  7. ainda bem , esperoque entres vocès esteja tudo bem

    ResponderEliminar
  8. Gostei Paulo, quero q continues viver essa felicidade ! beijocas

    ResponderEliminar
  9. Mesmo!
    Acho que quando tudo anda feliz, os tristes ficam contagiados. Quer dizes, depende dos casos.

    ResponderEliminar
  10. Como sabes este texto está tão... tu sabes! Adoro este novo final. Beijinho

    ResponderEliminar
  11. como sempre, lindo. tal como disseste, não foi nenhum erro, porque amar, não é errar :)

    ResponderEliminar
  12. é optimo perceber que aquilo que escrevo, ou melhor, aquilo que transmitos faz com que os meus seguidores/leitores/amigos vejam aquilo que estou a sentir. vai ver que não tarda, vais ter momentos ainda melhores (: força, cá estarei para ouvir as novidades*

    ResponderEliminar
  13. se desistir fica tudo mais simples.

    ResponderEliminar
  14. "Sei que contigo é diferente pois em vez de me pedires o coração para ele partilhar a sua felicidade contigo, pedes à tua felicidade que se partilhe com ele." - MARAVILHOSO, Paulo. Escreves maravilhosamente bem.

    ResponderEliminar
  15. Não, credo xb
    Detesto direito e coisas do género.
    Apenas aproveitei o facto de o menino Pedro querer seguir advocacia para lhe chamar de sr advogado.
    (Repara que ele em vez de dizer advocacia, diz advogacia :s).

    ResponderEliminar
  16. - " Também não quero respostas pois essas incessantes dúvidas podem acabar por trazer mais e mais questões e, não tenho paciência para acalmar essas palavras de mentes curiosas. " Está tão bem dito.
    - E eu sei que me torno um pouco ( muiitoo ) repetitiva, mas tu escreves bem, muito bem mesmo ! *

    ResponderEliminar
  17. Não tens que agradecer irmão (: <3

    ResponderEliminar
  18. Não realmente não é...
    Como é que escreves tão bem?

    ResponderEliminar
  19. Muito obrigada pelas tuas palavras, Paulinho :)
    É bom ver que pessoas que eu comecei a admirar na escrita, como tu, gostam das minhas humildes e simples palavrinhas :) e tu, continua a escrever assim, é que eu delicio-me a ler as tuas palavras. :*

    ResponderEliminar
  20. Pois lá está. Apesar de tudo, nunca é errado amar.

    Bjinho!*

    ResponderEliminar
  21. já não ia lá talvez ha uns mesinhos..
    sempre as melhores escolhas de palavras paulo, está muito muito bom

    ResponderEliminar
  22. Lindoh texto *-*
    Gostei (:

    Bjs :*

    ResponderEliminar
  23. xbb
    Também já vais ao we heart it? x)

    ResponderEliminar
  24. Tu escreves super bem !
    A esperança não morre, mas escasseia *

    ResponderEliminar
  25. « o que é certo é que o erro nunca foi nosso pois nunca será errado amar. »
    exactamente (:

    ResponderEliminar
  26. não, nem penses, nem sequer compares. mas digo-te, sou muito mais feliz desde que tenho os miminhos das pessoas da blogosfera :)

    ResponderEliminar
  27. por ser verdade, e ser dito de forma prática é que resultou tão bem (:

    ResponderEliminar
  28. O texto é uma música, de um cantor que fala de uma maneira extramamente intensa, não achas?

    ResponderEliminar
  29. só disse a verdade (:

    ResponderEliminar
  30. eu também, por isso é que sou verdadeira com os outros (:

    ResponderEliminar
  31. não , só disse o que acho :3

    ResponderEliminar
  32. Gostei do blog :D do texto, da música, das imagens :D

    ResponderEliminar
  33. :) A carta é de um filme, eu adorei!
    Mas que post maravilhoso, adorei a parte em que dizes: "Dei-me a ti, confesso, e só espero não chegar a casa com outro pedaço do coração corroído, porque cada vez que o deixava com alguém havia algo que corria menos bem." . Tens toda a razão. acontece sempre algo menos bom quando menos esperamos, e aí perdemos mais um pedacinho do nosso coração.

    ResponderEliminar
  34. obrigada pelo carinho lá no meu canto!!

    ResponderEliminar
  35. só escrevo quando sinto, quando não sinto deixo de saber escrever. <3

    ResponderEliminar
  36. Se é :)
    Parece que quanto mais proibido for, mais apetecido é

    Por vezes pode ser errado amar, quando não se é correspondido, quando é alguem que não se deve, nao é que seja errado, mas..
    E ao partilharmos o coracao/felicidade com outra pessoa vamos encontrar mais felicidade ainda :)

    ResponderEliminar
  37. Acho que isso se deve ao facto de aqui todos termos o mesmo objectivo comum, exprimir o que sentimos através das palavras.
    Se bem que desde à muito vejo gente que tem blog só porque sim, e não porque sente algum tipo de paixão pela escrita... E isso deixa-me triste, sabes? Eu acho a escrita mesmo algo de muito poderoso e de muito valor, e vejo muita gente a não ter isso em conta, escrever meia dúzia de palavras sem coerência e gabar-se que fez alto texto. Mas, enfim... Nós sabemos realmente o que um blog significa :)

    ResponderEliminar
  38. Há pessoas que nos completam, que nos preenchem. Que nos apaziguam a alma e o coração.
    Beijito.

    ResponderEliminar
  39. Obrigada, adoro o blog :)

    ResponderEliminar
  40. Bom e cantagiante ver alguem feliz,,,abraços de bom final de semana pra ti amigo.

    ResponderEliminar
  41. Muito obrigada, eu já seguia o teu (:

    ResponderEliminar
  42. concordo, é mau perder, só pode -.-

    ResponderEliminar
  43. Deixamos todo o orgulho que temos de lado, uma coisa que sabes que é muito dificil comigo :/

    ResponderEliminar
  44. O meu foi completamente normal, agora espero que a noite não seja má...
    Obrigada, mas a verdade é que eu não consigo mesmo dizer 'não' a uma pessoa que me peça ajuda $:

    ResponderEliminar
  45. Obrigada, tu sim também és uma boa pessoa (:
    Adoro sextas-feiras :D <3

    ResponderEliminar
  46. Lindos pensamentos escritos em belas palavras, nas quais me reconheço e muito.
    Parabéns para você também hoje!!
    Beijos,
    Carla

    ResponderEliminar
  47. Pois, e é! Apesar de que, às vezes, aparecem imagens que pronto... Mas não deixa de ser um óptimo site.

    ResponderEliminar
  48. "nunca será errado amar." isso diz tudo!
    por vezes andámos mergulhados em dúvidas e perdemos imenso tempo, concordo com o que dizes, tanto que perdemos que deixámos afundar-nos nisso!

    ResponderEliminar
  49. este texto está delicioso de se ler. adorei :)
    ja postei a outra parte

    ResponderEliminar
  50. Quando sentimos , é sempre profundo *.*
    O fim chega e tudo parece perdido (...)

    ResponderEliminar
  51. ai adorei, escreves tão bem.
    vou seguir*

    ResponderEliminar
  52. ai adorei, escreves tão bem.
    vou seguir*

    ResponderEliminar
  53. Tá tão real meu amor :D <3

    ResponderEliminar
  54. não gosto do silencio dele.

    ResponderEliminar
  55. Eu gosto mas só a partir da noite, ando mesmo desligada das aulas e deves entender porquê. Mas pronto tudo passa.

    ResponderEliminar
  56. Tudo passa, e um dia tudo isto vai passar eu vou ser feliz tu vais ser feliz e vamos poder partilhar o quanto estamos felizes um com o outro.
    Obrigada pelas tuas palavras (:

    ResponderEliminar
  57. Tudo passa, e um dia tudo isto vai passar eu vou ser feliz tu vais ser feliz e vamos poder partilhar o quanto estamos felizes um com o outro.
    Obrigada pelas tuas palavras (:

    ResponderEliminar
  58. Tudo passa, e um dia tudo isto vai passar eu vou ser feliz tu vais ser feliz e vamos poder partilhar o quanto estamos felizes um com o outro.
    Obrigada pelas tuas palavras (:

    ResponderEliminar
  59. Tudo passa, e um dia tudo isto vai passar eu vou ser feliz tu vais ser feliz e vamos poder partilhar o quanto estamos felizes um com o outro.
    Obrigada pelas tuas palavras (:

    ResponderEliminar
  60. adoroooo :)
    e obrigada por gostares *.*

    ResponderEliminar
  61. Paulo, muito bom! Grande sensibilidade. Adorei a música! De quem é? Bjos, bom fim de semana. Vou explorar esta tua casa, com especial carinho! Nô

    ResponderEliminar
  62. kkkkkkkkkkk, depois vês (a)

    ainda bem (:

    ResponderEliminar
  63. está lindo, como tudo o que escreves*

    os teus textos tocam-me imenso :')

    ResponderEliminar
  64. ui isso então :o acho que já todos fomos vítimas de plágio, e se há coisa que odeio é falta de originalidade e de humildade.
    uma coisa é pedirem para porem um texto teu no blog e identificarem, outra é roubarem e dizerem que foram eles que escreveram. que gentinha -.-

    ResponderEliminar
  65. Querido, obrigada pelo carinho e por nos presentear com mais um belo texto.Amor é doação, mesmo quando nos ferimos, mas mesmo assim valeu a intenção.
    Tenha um ótimo final de semana :)
    Beijos
    Zelia

    ResponderEliminar
  66. não sei, não sei (aa)

    wtf? ahah, "magano" não consta no meu dicionário o.o

    ResponderEliminar
  67. Simplesmente amei. Amei também a forma que escreve.
    E por mais clichê que possa soar, de tempo ao tempo pode tardar mais nunca falha.
    Estou a seguir.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  68. Torna-se dificil encontar rumo (..)_

    ResponderEliminar
  69. Estou danada, pois. Levo uma tampa atrás de outra :s

    ResponderEliminar
  70. « esperança composta de sentimentos inerentes para a sobrevivência da alma. »

    Nunca te esqueças daquilo que tu próprio disses-te, porque eu, jamais esquecerei ! *

    ResponderEliminar
  71. não dizem que "uma imagem vale mais que mil palavras" ? então, aí está :3

    ResponderEliminar
  72. Acho que cada vez fico mais presa aos teus textos, a maneira como escreves impressiona-me Paulinho *-*

    ResponderEliminar
  73. se fossem banais, certamente não as retia (:

    ResponderEliminar
  74. e já estás a preparar novo texto? (:

    ResponderEliminar
  75. Percebi ? Olha que eu sou um pouco burra x)

    ResponderEliminar
  76. Também espero que sim querido, temos que dar tempo ao tempo <3

    ResponderEliminar
  77. Pronto, eu sou menos inteligente :b

    ResponderEliminar
  78. "O interessante disto tudo é que mesmo nos completando desta maneira tão peculiar parece que falta alguma coisa nas nossas pequenas vidas e nos perguntamos do que será. Em vez de uma resposta em concreto apenas ouvimos a respiração um do outro enquanto os meus olhos mergulham no verde tranquilo dos teus."

    Lá vem ela repetir-se - LINDO!
    beijinhos fofinho :))) **

    ResponderEliminar
  79. É mesmo, é a "partilha de partes que fazem um todo". Talvez seja isso a parte mais bela de uma relação!
    Só tenho pena que essa partilha seja única, ou seja, que se encontre o "Amor perfeito" para o resto da vida, partilhando-se tudo com a pessoa que realmente merece...

    ResponderEliminar
  80. É, e faço o quê? :s
    Tens alguma ideia?

    ResponderEliminar
  81. tenho de conseguir estar bem não me adianta estar mal :/

    ResponderEliminar
  82. não sou nada tonta, sou realista o:

    ResponderEliminar
  83. O todo tem sempre as partes que o compõem, pequenas coisas que por vezes nos esquecemos. pequenas coisas que fazem toda a diferença. Por vezes não encontramos as respostas para as duvidas porque as procuramos no lugar errado. As respostas estão dentro de nós mas não é fácil encontrá-las. Estão escondidas entre sentimentos e emoções, nada fáceis de decifrar. Mas no final encontramos sempre algo que completa essa falta de certezas. (Não penses nisto, Pali)

    ResponderEliminar
  84. que fotografias, lindas :o

    ResponderEliminar
  85. que fotografias, lindas :o

    ResponderEliminar

« A única pessoa que nunca comete erros é aquela que nunca faz nada. »

Obrigado pela visita *