Desejo.

01:44

Talvez seja o meu coração o factor que me faz barrar no voz pálida da manhã o sentimento calmo da sua presença inexistente, ou talvez seja esse o factor que me faça viver com um sorriso seu, preso no olhar, para me desejar a maior maravilha da vida e, então, talvez seja isto tudo junto que faça com que o seu nome se apunhale no meu peito com servidão e intensidade. A complementar vem a incapacidade de abstracção que, devido aos inúmeros pensamentos e desejos nutridos, vem fazer-me necessitar a sua alma. E com toda esta salada de sentimentos, calafrios e brilho tudo se torna menos pálido e mais objectivo. Permaneço capaz de desejar tocar os seus lábios com os meus e padeço na inteligência de voltar a encontrar o seu corpo em outro lado qualquer. Não desejando que o tempo volte atrás, só posso lutar para que ele não se afaste do presente pois isso poderia aumentar a distância entre os nossos corações no futuro. Incompreendido desta missão que me coube, resolvi adocicar os meus olhos com a memória do seu sorriso e assim descansar mais uma noite nos lençóis de amor que, com tanto carinho, teci. 



You Might Also Like

88 comentários

  1. Gostei muito :)
    Parece ser um desejo, que vem depois de muita saudade...

    ResponderEliminar
  2. Sei que pelo menos 1060 pessoas já te disseram isto, mas eu quero ser a 1061ª :)
    Tu tens textos fantásticos *.*
    Parabéns (:

    ResponderEliminar
  3. adorei, mas saliento a parte do [...]"Não desejando que o tempo volte atrás, só posso lutar para que ele não se afaste do presente pois isso poderia aumentar a distância entre os nossos corações no futuro."[...] está sem dúvida maravilhoso!
    ai, nutela e morangos nhamii *.*

    ResponderEliminar
  4. não só linda, como deliciosa! *.*

    ResponderEliminar
  5. sim, dão-se ao trabalho de nos copiar sabendo que, se descobrirmos, os blogs são encerrados x)

    mais um texto lindo, Paulinho :')

    ResponderEliminar
  6. Gosto muito (: e nutella e morangos, que perdição :b

    ResponderEliminar
  7. Não fui eu querido! Se reparares está entre aspas, e o título é o nome do filme, tal como a imagem, são os actores principais :)
    Adorei o Post **
    Pus um "GOSTO" no facebook :D

    ResponderEliminar
  8. Tu jogas as palavras de uma forma tão linda :D <3

    ResponderEliminar
  9. O texto está realmente muito bonito! Conseguis-te fazer uma comparações* incríveis que não lembraria a ninguém! Está genial!!!
    Presumo que esta noite (ou uma próxima) deve ter sido "sofrida", pois só te recordavas do teu grande Amor, a imagem dela, o sorriso dela e o que sentes cada vez que a vias "ao vivo".
    Quem me dera ter um remédio para isso!
    Já tentei "disfarçar" as ideias/pensamentos, concentrar em outras coisas, mas a única coisa que resulta disso tudo foi tristeza...
    Vou tentando lidar com tudo isso dia após dia, pelo que espero que também o consigas. Assim como espero que se um dia encontrares uma "cura para este mal" que o divulgues e regista a patente, pois será algo que muitos a vão querer; quer seja para esquecer mais rápido um fútil Amor, quer seja para digerir "salda de sentimentos" (como referiste).

    Eu sei que quando um fim-de-semana começa assim, só se acontecer algo de excepcional e maravilhoso que nos espante, é todas essas fotografias visuais deixam de surgir tão constantemente na nossa memória. Pelo que desejo que algo de maravilhosamente positivo aconteça!

    *Eu sei a nível de gramática não se designa comparação, mas não me recordo!!!

    ResponderEliminar
  10. obrigado pelo comentario =)
    vou seguir ^^

    ResponderEliminar
  11. obgdo ainda bem :b
    "E com toda esta salada de sentimentos, calafrios e brilho tudo se torna menos pálido e mais objectivo. Permaneço capaz de desejar tocar os seus lábios com os meus e padeço na inteligência de voltar a encontrar o seu corpo em outro lado qualquer. Não desejando que o tempo volte atrás, só posso lutar para que ele não se afaste do presente pois isso poderia aumentar a distância entre os nossos corações no futuro." fantastico

    ResponderEliminar
  12. ahahahah, com 14 anos e a coiso e tal? quer dizer, eu conheço uma pessoa assim, mas vá. ixxo xao coixxax feiaxx pa uma hixxtoria winda :$ (AHAH)

    ainda bem que tens estado a gostar :)

    ResponderEliminar
  13. ps: nutella e morangos? ACHAS BEM EU TER ALI UM COISO DE NUTELLA E TAR COM BUÉ VONTADE DE O COMER, ACHAS? POR CAUSA DE TI :C <3

    ResponderEliminar
  14. Paulo, as tuas palavras são pura poesia!

    Conheço o sentimento, todos os dias me acompanha, teimoso.

    E não posso deixar de reparar que juntas num mesmo post "desejo" e "morangos com nutella"... bela combinação =)

    Bjinho!*

    ResponderEliminar
  15. ahah, já sabias (a)

    ya, por causa de ti :c és um feio, não gosto nada de ti <3

    ResponderEliminar
  16. ~' não amor. ele não merece nada que seja meu ! nenhuma luta minha, nenhuma lágrima minha, nenhum texto meu (..) nada ;c
    ~' eu luto todos os dias por ele, eu nunca gostei de ninguém como gosto dele e ele não entende isso ;c

    ResponderEliminar
  17. humm quanto ao filme acho que devias ver é engraçado ;)

    ResponderEliminar
  18. sabes bem que pra mim és lindo and i love you, always <3

    ResponderEliminar
  19. por mais dias maus que eu tenha, nunca vou deixar de sorrir. isso eu sei :)

    ResponderEliminar
  20. Oie Sou Fábio Mariz do BLOG (Mariz.Moda) Moda masc. , ameii seu bloguito e já estou seguindo!
    Visite o nosso e seja tasmbém um seguidor.

    ABRAÇOS *~

    (http://marizmoda.blogspot.com)
    nossos twitter: @FabioMarizReal & @MarizModa

    ResponderEliminar
  21. « talvez seja isto tudo junto que faça com que o seu nome se apunhale no meu peito »
    mais um texto lindo Paulo (:

    ResponderEliminar
  22. Que lindoooo <3
    Amo-te irmão <3

    ResponderEliminar
  23. muito muito obrigada Paulo *.*

    ResponderEliminar
  24. Imaginaste a beijá-lo?
    Eu nunca me imagino a fazer nada mais que falar. Tenho medo de estar a alimentar esperanças ao imaginar impossibilidades.

    ResponderEliminar
  25. fez, completamente ;) ainda bem que gostaste!

    ResponderEliminar
  26. por muito dificil que seja, temos de seguir em frente *
    adoro tudo o que escreve :)

    ResponderEliminar
  27. Olá Paulo,

    Fico muito feliz com seu contato, seu comentário em meu blog. BÊNÇÃO!!!

    Desejo um ótimo fds com bênçãos de Deus p/ sua preciosa vida.

    Ah! Desejo tb muita inspiração.

    beijos
    Suely

    ResponderEliminar
  28. se eu tenho jeito então não sei o que é que tu tens :o
    adoreiiiii aw *.*

    ResponderEliminar
  29. ~' pode ter os maiores defeitos do mundo mas é dele que eu gosto :c

    ResponderEliminar
  30. Pelo menos eu, vou tentar ter tudo do que lá esta :)

    ResponderEliminar
  31. claro que gosto querido (:

    ResponderEliminar
  32. pois, eu acho que este ano também nao vai ser possível, mas mesmo assim vou tentar, ahahah :b

    ResponderEliminar
  33. Com o todo o sentimento a afligir a alma, encontrou na memória uma forma de amainá-lo, sem abandoná-lo.

    Gosto de vir aqui com calma, para poder ler, reler, abstrair.

    bjs.

    ResponderEliminar
  34. não é exagero nenhum baby, tu és bem melhor nisto que eu :)

    ResponderEliminar
  35. Gosto muito :o
    Sempre fantásticos estes teus textos! :)

    ResponderEliminar
  36. amo completamente o teu blog o:

    ResponderEliminar
  37. És algo de extraordinário a exprimires os teus sentimos. És ouro a escrever óh...
    Beijinhos *

    ResponderEliminar
  38. Óh, desculpa, percebi mal :s

    ResponderEliminar
  39. Chocolate com morango na imagem é muito sugestivo...Sugere sensualidade e energia...

    E quanto ao texto sugere afeto e desejo...

    bj

    Catia

    ResponderEliminar
  40. Olá eu realmente, voltei e agora estou bem!
    Eu gostei do seu texto, acredito que estamos no caminho quando conseguimos tocar os corações com a intensidade de cada palavras na medida certa!
    Me senti lendo uma carta pra mim! rs
    Hum não seria nada mal ,meu amor me dizer estas coisas rs!
    Que belo café da manhã!
    Isso é só um detalhe!
    Aline.
    Bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  41. adorei completamente, estou a seguir*

    ResponderEliminar
  42. Nada que agradecer, É o mínimo que podia fazer (:

    ResponderEliminar
  43. Nada que agradecer, É o mínimo que podia fazer (:

    ResponderEliminar
  44. Amei seu blog!
    Adorei o modo como escreves...
    seguindo!
    adoraria te ver no meu cantinho!
    http://cronicasdeanjos.blogspot.com/
    bju

    ResponderEliminar
  45. Amei o modo como escreves...
    Seguindo-te!
    adoraria te ver lá no meu cantinho
    http://cronicasdeanjos.blogspot.com/
    bju!!!

    ResponderEliminar
  46. Dizem que quando lemos algo, e esse algo nos toca profundamente é porque no meio das palavras, foram derramados sentimentos...
    E é assim que me sinto ao ler-te, como se colhesse teus sentimentos.
    Lindo.Beijos achocolatados

    ResponderEliminar
  47. Devia ser proibido o amor não-correspondido.
    Uns têm direito a serem felizes e os outros não porquê? :c

    ResponderEliminar
  48. Da hora teu blog
    parabéns.
    Seguindo certo,me segue ai tbm.
    http://www.hiphopface.org/
    abçs
    @Ativista2

    ResponderEliminar
  49. a-d-o-r-o!
    sem palavras para descrever os teus textos Paulo.
    Parabéns :) *

    ResponderEliminar
  50. para quem acho que merece, sim :b

    ResponderEliminar
  51. :) Obrigado! * ADELE é perfeita, tem cada letra **

    ResponderEliminar
  52. Eu também não. Até ontem. Estive a ver as músicas no youtube, com a legenda. É qualquer coisa :)

    ResponderEliminar
  53. Ver ali aqela nutella e morango e ao ver o titulo, pensei qe fosse desejo de alguma comida, mas afinal nao, sao desejos que nao vao la com comida, sao desejos de uma pessoa que encaixa em ti na perfeicao.

    Mas gostar de algem que nao nos retribui da mesma forma é o mais normal, mas tbm é o que mais magoa.
    Tudo quando é partilhado é sempre melhor :)

    ResponderEliminar
  54. Quando o presente é amargo, restam as memórias do passado e a certeza de que o futuro depende de nós e começa no presente. Podemos mudá-lo. Á medida que vivemos as coisas , vamos conhecendo-as mesmo que o medo nos assole e nos faça fugir. Acabamos sempre por voltar, espantar o medo e tranquilizar a alma. (Não penses nisto, Pali)

    ResponderEliminar

« A única pessoa que nunca comete erros é aquela que nunca faz nada. »

Obrigado pela visita *