Letras de Luz

07:30

Já pensei que estava tudo acabado e que os motivos para respirar eram poucos ou simplesmente não existiam. Bastou chegar o escuro para me desorientar e perder a meta; despistar-me de todas as peças que construíam a minha casa e desencontrar-me dos sonhos que plantei e cresceram em mim. O negro propôs-se e por medo acabei por aceita-lo na minha vida. Escuro, húmido e frio. Deixou-me incapaz de me entregar de coração e alma às necessidades que eu assegurava como básicas da vida. Mas sempre me esqueci por medo. Sempre me esqueci que para acender uma luz é necessário que ela esteja apagada e foi isso que falhou em todo este processo de medo e perdição. As estrelas só brilham no escuro e são elas que guiam a noite e afastam o medo. Assim habituei-me a ser. Quando se encerra o escuro, eu acendo as minhas palavras e admiro toda a sua luz enquanto o medo se esconde dentro das gavetas de onde nunca devia ter saído. Já pensei que tudo estava acabado, quando na verdade ainda só tinha terminado o primeiro parágrafo com reticências de um futuro próximo narrado por mim.


You Might Also Like

46 comentários

  1. a escrever assim, não sabes se vais continuar? porquê??

    ResponderEliminar
  2. Não é fácil habituarmo-nos à escuridão, quando a luz se apaga, aquela luz que nos mostrava o caminho para a felicidade. Agora restam apenas os pequenos pontos de luz que permanecem a piscar. Há que encontrar a nossa própria luz.

    ResponderEliminar
  3. ahum, mas acabas o livro! e sinceramente, acho que não custa tentar... posso saber porque é que não gostavas dos métodos que eles usam? *

    ResponderEliminar
  4. hum.. o que eles querem é fazer mais exemplares mas 200 tens que vender tu, é isso? e ganhas alguma coisa com o que "eles" vendem?
    e, só aqui no blog vendias muito mais que dois ou três, eu acho :)

    ResponderEliminar
  5. que texto liiindo! Adoro, está mesmo perfeito. parabéns!

    ResponderEliminar
  6. "As estrelas só brilham no escuro"

    Precisa de algum outro incentivo?

    Adorei o texto, como de rotina!

    Abração,

    Rodrigo Davel

    ResponderEliminar
  7. Eu acho, só acho que atualmente precisa-se de muita motivação para continuar vivendo, conquistar os objetivos ... enfim, chegar a algum lugar!

    ResponderEliminar
  8. Estou, estive e sempre estarei, lembra-te disso (; O teu blog é um dos que nunca me canso de ler, e tenho a certeza que nunca me cansarei (;

    Achas, que tenho evoluído e tens gostado dos meus post's? $

    Nem mais, estou a ver que concordas comigo ** Ainda bem $: A palavra "amo-te" ou "amor" tem muito mais valor do que o valor que hoje em dia lhe dão.

    Um beijo *

    ResponderEliminar
  9. Das trocas da vida...
    De como somos nós a escrever-nos...para a vida nos trocar de novo as voltas...
    até que saibamos o que é escuro e o que é claro, nas matizes infundadas do pensamento...

    Abraço

    ResponderEliminar
  10. , eu sei qe cada vez qe passo por aqui te deixo sempre um pedido de desculpa pela minha ausência , e uma vez mais , aqui vai mais um desses , sinceros "desculpa" ..
    , a vida é complicada , tu sabes disso , melhor qe muitos .. , eu sei qe é difícil habituarmo-nos à escuridão , e quando assim é não nos devemos conformar com ela , devemos sempre tentar encontrar o ponto de luz mais próximo , qe pode até ser o mais fraco , mas qe junto do nosso coração se tornará o mais forte , e aquele qe nos guiará sempre qe os céus escurecerem , essa luz será a nossa estrela luminosa sempre qe a escuridão se tentar apoderar de nós ..
    , "Já pensei que tudo estava acabado, quando na verdade ainda só tinha terminado o primeiro parágrafo com reticências de um futuro próximo narrado por mim." - adorei este final , sabes bem qe as tuas palavras sempre me transportam para um outro lugar qe não consigo definir com meros adjectivos , mas fica por sinal sabendo qe é um sítio bom , muito bom (:
    , e para não te chatear mais , agradeço pelo teu comentário encorajador como sempre ..

    , Beijo Doce da C' ^^

    ResponderEliminar
  11. Obrigada ^^
    Muito bom texto, mas eu gosto do escuro, há tanta coisa boa que podemos fazer no escuro... Beijo*

    ResponderEliminar
  12. Paulo,

    Seu blog sempre está atualizado e muito acessado.
    Que bom!!

    Tenha um belo fds,

    beijos
    Suely

    ResponderEliminar
  13. Obrigada, também gostei muito deste teu texto :)

    ResponderEliminar
  14. Fico sempre sem saber o que dizer quando venho aqui, mas isso é bom, é sinal que me perdi mais uma vez naquilo que escreveste. E sei que me repito muitas vezes, mas realmente aquilo que tu escreves é envolvente e é impossível alguém ficar indiferente

    ResponderEliminar
  15. gostei muito do texto. :)
    e põe sempre os teus medos de lado. ou pelo menos, mesmo quando o medo está presente em ti, seja durante a escuridão ou refectido na luz, não deixes que ele supere a tua coragem. *

    ResponderEliminar
  16. obrigado pela opinião (:
    e é mesmo, concordo contigo

    ResponderEliminar
  17. sim é mesmo absolutamente impossivel parar, mas sempre se pode tentar resduzir s:

    ResponderEliminar
  18. sabes mesmo sempre o que dizer ? parece-me que sim :') obrigado pelas tão verdadeiras palavras..

    ResponderEliminar
  19. de nada ^-^


    http://joateba94.blogspot.com/2011/11/amor-e.html: novo poema ^-^

    ResponderEliminar
  20. Perfection! Have a wonderful weekend.

    ResponderEliminar
  21. E esses pontinhos de luz podem encher a escuridão. Por vezes, crescem e fazem-nos sorrir.

    Isto aqui está um comentário meio pró esquisito, mas isso é porque são 4 da manhã e eu estou cansado e sem sono. Até já.

    ResponderEliminar
  22. nunca tenho palavras para os teus textos, são mesmo lindos

    ResponderEliminar
  23. Suas palavras iluminam meu dia quando tudo parece ser tragado pelo breu, porque tenho a certeza que devo continuar, nem que seja para ler mais uma postagem sua...

    ResponderEliminar
  24. woow. sabes o que deverias fazer, escrever um livro, porque tu quando escreves transmites ideias e sentimentos que as pessoas diariamente não veêm. é a minha simples opinião :)

    ResponderEliminar
  25. Os teus textos são sempre encantadores. Não deixes que essa escuridão te comande, inverte os papeis, sê tu a comanda-la, e como tu disses-te " para acender uma luz é necessário que ela esteja apagada".
    É sempre um prazer ler o que escreves, pois tem um talento muito especial. Mais uma vez parabens.
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  26. E que seja sempre louvada a nossa capacidade de reinvenção, que é a arma que temos contra as impossibilidades da vida.

    Lindo, Paulo, lindo, comovente, merece aplausos!

    =D

    Um beijo, moço querido.

    ResponderEliminar
  27. muito obrigada pelas tuas palavras! :)

    ResponderEliminar
  28. obrigado pelas palavras reconfortantes :$

    ResponderEliminar
  29. Sim à tempo para tudo, mas nem sempre tudo vale a pena :/

    ResponderEliminar
  30. , nossa , não imaginas como fiquei comovida com essa tua resposta .. , não acho que sejas "tremendamente inconsequente" com as tuas palavras , eu adoro lê-las cada vez que tenho uns minutos para dedicar a estas coisas acredita que és o primeiro a que recorro , para voltar a sentir aquele sentimento que não consigo caracterizar , mas que é sempre tão bom cada vez que te leio ..
    , é tão bom saber que consigo fazer com que as minhas palavras te toquem cada vez que as lês , é importante para mim saber que não têm significado apenas para mim .
    , um beijo grande e uma vez mais , obrigada pelas tuas doces e melodiosas palavras (:

    ResponderEliminar
  31. Não há ponto final na vida, há apenas as malditas ( e amadas?) reticências.

    Beijos

    ResponderEliminar
  32. O medo sobrepõe-se sempre a tudo, infelizmente.
    Cada vez escreves melhor e cada vez gosto mais.

    ResponderEliminar
  33. É tão mau ver isto tudo a acontecer e nem mesmo assim o sentimento diminui :/

    ResponderEliminar
  34. é.. a vida sempre contínua.

    ResponderEliminar
  35. É como se diz aquela frase: " De tanto colocar ponto final, eles acabam por virar reticências ".

    Não está na hora de acabar e tens razão, ainda tem muito caminho a ser percorrido com suas palavras.

    Beijos (:

    ResponderEliminar

« A única pessoa que nunca comete erros é aquela que nunca faz nada. »

Obrigado pela visita *