Conhecendo a Angústia

02:39

Secam-se-me os lábios quando a tua pele não beijam. Seca-me a língua quando o teu nome me morre na boca sem que o consiga proferir. Não me faltando a vontade, isto é a estratégia de um abraço solto que a minha alma tenciona proporcionar à tua. É um amor inconsequente cheio de desafios e metas para descobrir. E isto que sinto é a tensão no peito de não poder respirar o mesmo ar que tu; respiro poluída-mente o mesmo ar que todos os outros que tu não és. Respiro caminhando sobre o passeio da calçada suja que tu nunca pisaste. Salpico emoções de estranhos que tu nunca conhecerás e mesmo sabendo isso tudo e mais listas de feitos inacabados, eu continuo a ver o teu reflexo na montra pura da madrugada. É angustiante o facto de não ter esse apoio. Mas ainda mais angustiante é saber que tu tens o conhecimento de filtrar as minhas emoções. E assim sabes, que o amor que te sinto só te é desconhecido porque gostas que te veja mas nunca me deixas que te toque, que te conheça, que te sinta, que te ame. Mas não me podes culpar por não tentar quando tu é que nunca tiveste intenções de sair da montra que criaste à minha volta.


You Might Also Like

115 comentários

  1. adoro, adoro, adoro mesmo ler-te, Paulo! a tua escrita é simplesmente maravilhosa e prende qualquer pessoa às tuas letras. É raro nos dias de hoje encontrar alguém assim, como tu. Beijinho enorme! *

    ResponderEliminar
  2. adoro muito, mesmo! :)
    sim, tem outro sabor uma luta a dois. um sabor muito melhor :D

    ResponderEliminar
  3. Ai nao tens nada de agradecer tonto ;)

    Lindoo, essas palavras, frase, escreves tão bem *__*
    Esse amor não correspondido, quase impossivel, que palavras palavras tao lindas que uzas.te para descrever a "angustia", adorei :)

    ResponderEliminar
  4. já sabes o que eu acho. adorei muito, e cada frase que tu dizes, toca imenso. escreve um livrooooooooooo !

    ResponderEliminar
  5. emocionei-me paulo . tocaste-me mesmo na ferida com este texto magnífico ! verdade seja dita, sou muito sensível mas caprichas-te, como sempre !

    ResponderEliminar
  6. quando estás a ser amada de uma forma sublime e amam-te da mesma forma : sentes-te calmo, tudo está bem e sentes-te feliz. não existe mais nada para além disso e sentes-te bem com a vida.

    ResponderEliminar
  7. de nada Paulo .)
    é mas a minha ambição vai para além da mera escolha dos dias, eu queria também escolher as pessoas certas :c

    ResponderEliminar
  8. mais uma vez, adorei *
    e não sou, mesmo :o

    ResponderEliminar
  9. um dia também tu vais experimentar, vais ver! :)

    ResponderEliminar
  10. por vezes estamos nas mãos da vida e só ela pode decidir aquilo vamos ter...por muito que lutemos para que algo aconteça.
    texto fantástico *

    ResponderEliminar
  11. ahah tudo bem. e como tem andado o teu livro que andavas a escrever?
    a historia do destino irreconhecível que andava a postar, escrevi mais outras coisas, adicionei historia e tou a fzr um livro com aquilo.
    sobre este texto ja sbs a minha opiniao. dei-a no fcbk ;)
    keep it up

    ResponderEliminar
  12. é que é mesmo! mas quem sabe se o destino não me junta a ela outra vez...
    só me resta esperar e pelo menos que veja o que lhe fiz :s

    ResponderEliminar
  13. ah deixa ahah o meu acho que é a terceira tentativa. mas acho q nas ferias vou conseguir acabar um. nunca cheguei a mais de 100 paginas por exemplo mas toda a gente diz q o q conta e uma historia bem contada.
    muito obrigado a serio :)
    quem sabe escreveras um livro de excertos sobre tudo o que sentes, sentiste e pensas. acho isso fantastico e os teus textos davam bem um livro

    ResponderEliminar
  14. esta mesmo verdadeiro este pequeno texto!
    Gostei imenso *

    ResponderEliminar
  15. o amor é como deve ser, quando tem que ser meu amô. obrigada por tudo!!

    ResponderEliminar
  16. O problema é mesmo esse...apercebermo-nos tanto que a vida por vezes nos deixa cair..
    =) *

    ResponderEliminar
  17. ela já o viu, mandei-lhe sms a dizer e ela leu e respondeu que nem sabia o que dizer, mas que também tem andado mal nestes dias xs

    ResponderEliminar
  18. Muito, muito, muito lindo, Paulo!
    Demais...
    Tudo, aqui no seu blog, é puro encantamento!
    Abraço, todo entremeado de gratidão pela amável visita que você me fez.

    ResponderEliminar
  19. acredita que não é ser querida, é mesmo sincero! eu adoro a forma como tu escreves, e digo-te, na minha opinião, escreves muito melhor que muitos escritores com várias obras publicadas! já te disse que espero um livro teu, e espero mesmo! quero um livro teu com um autógrafo com esse toque de poesia que tens dentro de ti ;)
    mais um texto magífico! a prova de que a solidão é nada mais que isto, ter tudo de todos, mas querer apenas o tudo daquela pessoa **

    ResponderEliminar
  20. é sempre bom viajar. Obrigado por passar pelo meu blog. E Braga até que é bonita de ver

    Continuação

    Álvaro

    ResponderEliminar
  21. Ficou perfeito Paulo !
    É incrível a forma como te entregas para a escrita !
    Amei de mais !

    ResponderEliminar
  22. Essa angustia, essa ansiedade pelo amor que não vem,,,que partiu e nos deixou sozinhos e procurando tradução pra esse sentimento...grande abraço de bom sábado pra ti amigo.

    ResponderEliminar
  23. Sim, certamente concordo contigo!
    Vamos viver o verãooooooo e tentar esquecer os problemas! *.*

    ResponderEliminar
  24. Simplesmente lindo *.* Escreves muito bem, parabéns :) Verdadeiro, Toca nas pessoas*

    ResponderEliminar
  25. Simplesmente lindo *.* Escreves muito bem, parabéns :) Verdadeiro, Toca nas pessoas*

    ResponderEliminar
  26. muita força meu caro Paulo :)
    o dom de que falo no texto é algo inexplicável. bem como é inexplicável a ligação tão forte que temos, é diferente e única. sabes quando pensas que vais agir de uma maneira e afinal ages de uma outra de forma contrária? pois, é assim com ele. a primeira vez que conversamos pessoalmente foi como se nos conhecessemos há muitos e muitos anos. como que almas gémeas. sinceramente nunca pensei encontrar alguém assim.

    ResponderEliminar
  27. Mais que um suspiro, são palavras que escapam como todo o ar do peito... profundo, melancólico e, estranhamente, esperançoso!

    ResponderEliminar
  28. tu é que és!
    texto lindo, muito mesmo *-*

    ResponderEliminar
  29. , para além de não me sentir inspirada , não me sinto com grande vontade de escrever grandes coisas , ...
    , desculpa a ausência meu bem , mas precisei dela ...
    , enfim , Gosto Muito , como de costume (:
    , Beijo Doce da C' x)

    ResponderEliminar
  30. “Não me faltando a vontade…”, bebe água …saboreia…bebe para voltar o sabor, o doce sabor do beijo aos teus lábios, fecha os olhos e recordar, dizem que recordar é viver. Abraça-te num abraço de saudade, da saudade que sentes…sente e vive o momento que foi e voltará a ser na esperança no amanhã.
    “gostas que te veja mas nunca me deixas que te toque…”, fecha os olhos e imagina que sim, o toque é possível, um dia quem te diz a ti que ao abrires os olhos o toque não seja mais do que o real.
    Deixo ao Pensador … Um beijo n´oteudoceolhar *
    (caramba Paulo, até assusta tanta míuda lol e euzinha aqui cota alone lol ;), pa desanuviar)

    ResponderEliminar
  31. Amo amo amo, gostei especialmente deste texto *-*

    ResponderEliminar
  32. pois ;s , mas é a vida.
    - adorei o post mesmo, dá para perceber que sentes todas as palavras que escreves, és maravilhoso (;

    ResponderEliminar
  33. parece que discordas do que digo no texto, dsclpa, mas passas-me essa impressão.
    contudo, tudo bem (; opiniões são opiniões (;

    ResponderEliminar
  34. mesmo. s: e uma cara nao tao bonita aos olhos deles, poderia ser o seu bem mais precioso.
    prefiro the vampire diaries. por acaso nnc experimentei ver aqilo. tenho que ver um dia , dizem muito bem :)

    ResponderEliminar
  35. oh paulo já disse que nao estou a exagerar, é simplesmente o que eu sinto, o que eu acho, acredita.
    - pois, eu acredito que ela esteja sempre comigo, mas sinto saudades dela sabes, ela já partiu ha muito tempo, e eu acho qe naquela altura me custou, mas eu era um poco mais nova, e encarei aquilo duma forma diferente, e agora ja vejo tudo isto de outra forma, e custame ;s

    ResponderEliminar
  36. muito bem então digo-te que preferia mil vezes que me dissessem isso ! nao gosto muito de rodeios, admiro mais a sinceridade. obgda !

    ResponderEliminar
  37. Ó, muito obrigada por gostares do meu espaço $; és uma das pessoas que me segue desde o inicio!

    Ouve frases que aprendi contigo, aquelas que tu até me corrigiste a agora uso e abuso quando posso ^^

    -Sim, por ter um enorme coração é que nunca desiste *
    Bora! Vamos ser como ela (:

    Obrigada, obrigada pela força* Irei agarra-lá muito, muito e bem preciso :s!

    E Adorei o teu texto, tens que ser forte e vencer esse sentimento que muitas e muitas vezes passa no teu coração, sabes por vezes é difícil mas pensando noutras coisas o tempo condiciona o sentimento*
    Está frase está muito boa " E isto que sinto é a tensão no peito de não poder respirar o mesmo ar que tu; respiro poluída-mente o mesmo ar que todos os outros que tu não és. "

    ResponderEliminar
  38. É uma verdade que doi imenso,saber que existem amigos e que os temos, mas nao saber ate que ponto são verdadeiros, a vida é feita de mudanças, e infelizmente esta é uma das que ocorre milhares de vezes.. Obrigado pelo comentáro :)

    ResponderEliminar
  39. eu sei meu bem, e tu também sabes que estarei sempre aqui para te dar apoio (:

    ResponderEliminar
  40. Este texto esta mesmo muito bom, gostei bastante :)

    ResponderEliminar
  41. dizes que é um doce mas não lhe conhecesses a traquinice. xd

    ResponderEliminar
  42. Gostei!! Muito bom, como sempre... Bj

    ResponderEliminar
  43. só nao gosto de meios termos !

    ResponderEliminar
  44. como queiras. parece que gozas ou qqer coisa. é assim, se nao gostas dizes logo, pronto

    ResponderEliminar
  45. E pronto...aterreino num jardim de papoilas, para dizer ao meu amigo que ficou a resposta lá do outro lado.

    obrigada pelo sorriso :)
    Beijo n´oteudoceolhar *

    ResponderEliminar
  46. OMG, mania da perseguição a esta hora ? nao achas demasiado tarde ? gosto de pessoas directas, que nao têm rodeios e têm uma opinião bem definida à cerca de... "talvez" ? mostras muito e pouco com ele, te garanto !

    ResponderEliminar
  47. dores de coração, Paulo?

    - isso deve-se a falta de tempo?

    ResponderEliminar
  48. De nada paulo *.*
    Eu sei que és muito forte!

    ResponderEliminar
  49. Gostei especialmente desta parte: "E isto que sinto é a tensão no peito de não poder respirar o mesmo ar que tu; respiro poluída-mente o mesmo ar que todos os outros que tu não és. "
    Muito bom amigo :D *

    ResponderEliminar
  50. adoroooo*
    mas eu não gosto de coisas más :c

    ResponderEliminar
  51. pá ? kakakakaka que dizes ? Enfim, tu achas-te muit grande nao achas ? crescer ? crescer precisas tu : em primeiro lugar nao te insultei por isso tem tento na lingua, ou tmbm n tens educação ?
    em segunda lugar crscer precisas tu ! o menininho parte logo para os insultos ? uiii...

    ResponderEliminar
  52. espera, a qual das perguntas? xb

    ResponderEliminar
  53. Claro que és, sempre o foste querido*

    ResponderEliminar
  54. mas isso passa, certo..?

    ResponderEliminar
  55. acho que ainda não aprendi a lidar com elas*

    ResponderEliminar
  56. gostava de poder dizer que sim, que sou muito forte, mas estava a mentir ;s

    ResponderEliminar
  57. que dom, que magia, que encanto, que maravilho, que... *sem palavras* :)

    ResponderEliminar
  58. "Mas não me podes culpar por não tentar quando tu é que nunca tiveste intenções de sair da montra que criaste à minha volta."
    Encaixa-se um pouco com a história que eu escrevi *.*

    Beijoo <3

    ResponderEliminar
  59. "Mas não me podes culpar por não tentar quando tu é que nunca tiveste intenções de sair da montra que criaste à minha volta." - e mais uma vez... perfeito :') ***

    ResponderEliminar
  60. Siim, Paulo quando me sinto viva é o melhor remédio para a doença de me sentir mal $:

    ^^ Aquelas palavras que tu gostas-te e estão entre aspas são do livro que estava a ler no momento, no meio do campo, o Diario de Anne Frank (;

    ResponderEliminar
  61. e eu agradeco-te , do fundo do coração*

    ResponderEliminar
  62. Obrigado Paulinho.
    acho que vou desistir do livro que estava a escrever com a historia que comecei a escrever, e vou começar outro. ahah mas se vcs depois ate gostarem e tal e se aumentar consideravelmente mando pra uma editora :l

    ResponderEliminar
  63. não precisas :b
    talvez seja! mas acho que é isso que dá o próprio gosto ao amor, a luta por mais um bocadinho daquela pessoa... **
    fico à espera :))

    ResponderEliminar
  64. e é bem verdade o que dizes sobre os amigos! quanto ao elogio, sabes que te agradeço do fundo do coração *

    ResponderEliminar
  65. eu sei que nao posso esquecer o passado nem tenho intenção de o fazer, mesmo que tivesse era uma completamente errada porque o passado é a construção da pessoa que somos no presente e nos transforma-mos no futuro. Ao dizer que queria esquecer o passado é referente a certas etapas que gostava de ocultar tipo pasta de PC, mas sei que não dá, tento apenas ocultar da minha mente, não da minha mente.
    e sim, adoro segredos, apimentam sem duvida uma boa relação.

    ResponderEliminar
  66. Uma bela semana pra ti meu amigo...abraços.

    ResponderEliminar
  67. Em principio vou mesmo colocar a 2ª temporada :)))) eheh beijinhos meu doce *

    ResponderEliminar
  68. temos de acreditar que sim :')

    ResponderEliminar
  69. mas como anda esse coraçãozinho Paulo?

    ResponderEliminar
  70. penso que é normal por vezes sentirmo-nos assim :s . só tens de arranjar forças - e tu bem sabes que és forte - e vais acabar por arranjar solução para os teus problemas. cuida desse coração Paulinho, ele merece ser feliz *

    ResponderEliminar
  71. não preciso de me sentar! primeiro porque tenho a certeza que não vai demorar assim tanto e segundo porque não me vou cansar de esperar por um livro teu ;)
    valerá a pena ****

    ResponderEliminar
  72. oh paulo, epá, a sério, porque é que escreves tão bem? não é justo, unf. mas está muito lindo :3

    ResponderEliminar
  73. nao estou a dizer que sou fraca, apenas nao sou forte o suficiente para ultrapassar isto ;s
    - e sim, é muito complicado amar alguem e nao poder estarmos com essa pessoa quando queremos, é duro , e ainda mais duro é nao conseguir ultrapssar esse amor ;s . obrigada paulo !

    ResponderEliminar
  74. Eu adoro mesmo as musicas dela *.*
    E adoro os teus textos :D

    ResponderEliminar
  75. Carinhosamente venho desejar
    uma linda semana.
    e muitos sonhos realizados.
    beijos e beijos,Evanir.

    ResponderEliminar
  76. eu não quero que isto seja um conto de fadas, não quero que passe de uma desilusão. quero sim que seja algo real e que eu esteja sempre com os pés na terra :)

    ResponderEliminar
  77. posso voltar a dizer que amo o teu blog? amo mesmo, posso dizer sem espinhas que és dos blogs que visito com mais frequência. ( quase todos os dias :') )

    ResponderEliminar
  78. Uma bela segunda feira pra ti meu amigo...abraços.

    ResponderEliminar
  79. Está tão lindo *.*
    "...o amor que te sinto só te é desconhecido porque gostas que te veja mas nunca me deixas que te toque,..." - fantástico :)
    Eu amo ler estes textos *

    ResponderEliminar
  80. , mesmo não andando muito inspirado , as tuas palavras dão-me sempre força , !
    , são como almofadas reconfortantes que me acomodam no meu intimo e que me deixam bem comigo mesma , a maior parte das vezes fazes-me pensar que afinal vale a pena escrever e ser assim desse jeito que eu sou ...
    , é bom isso (:

    , beijo doce ^^

    ResponderEliminar
  81. Oh pequenino! Voltei para ler as tuas palavras tão profundamente sentidas.

    :') gosto bastante de ti.

    ResponderEliminar
  82. Arrepiei me ao ler te...há pessoas que não sabem amar...e depois magoam os outros...conheço essa angustia...:(
    Beijo d'anjo

    ResponderEliminar
  83. Está simplesmente maravilhoso, muitissimo bem escrito! Continua...
    Um beijinho virtual

    ResponderEliminar

« A única pessoa que nunca comete erros é aquela que nunca faz nada. »

Obrigado pela visita *