A Amizade na guerra.

07:14

Depois de todos estes anos já não te posso chamar de amigo. Porque amigo, estará sempre por perto em todas as horas, momentos e situações.

Se pudesse voltar atrás eu voltava. Desfazia todos os males entendidos só para estar contigo mais uma vez.
Estejas longe ou perto, eu penso em ti.
Penso em todas as nossas brincadeiras; penso nos nossos jogos de futebol em que mais parecia que estávamos dentro de um ringue de boxe. Penso em quando brincávamos com os soldadinhos e estávamos sempre a discutir porque raptávamos o “chefe ou a princesa” sem termos enfrentado todo o exército. Penso naqueles momentos em que nos sentávamos no sofá a admirar séries televisivas ou a jogar. Penso em todos os nossos passeios e conversas destrambelhadas que tínhamos.
Penso em ti.

Tenho saudades, não minto. Mas o que eu não farei de certeza é lutar por uma amizade que há muito se perdeu, porque tu sabes o valor dela e eu não, porque tu consegues discutir e não pensar e eu não, porque tu pensas que eu estou bem e não estou. Não lutarei porque uma amizade (pensei que grande), como a nossa não sobrevive com apenas um de nós a trabalhar por ela.

É como as nossas guerras de soldadinhos: apenas um homem a lutar com algo de grandes dimensões não suportará a pressão e acabará por fugir. Com ele, vai a saudade.

You Might Also Like

10 comentários

  1. Tão profundo !
    O que tem de ser, tem muita força :x
    E acho que a ultima frase, resume tudo "É como as nossas guerras de soldadinhos: apenas um homem a lutar com algo de grandes dimensões não suportará a pressão e acabará por fugir. Com ele, vai a saudade. " .
    Amei :$

    ResponderEliminar
  2. tens toda a razão.
    obrigada *

    ResponderEliminar
  3. Desse ponto vista, concordo contigo, até porque o meu irmão anda com ela de um lado para o outro a festejar pelo benfica e é ou era do sporting.

    ResponderEliminar
  4. desafio para ti no meu blog *

    ResponderEliminar
  5. perder uma amizade é, para mim, das coisas mais dolorosas que se pode ter !
    Mas, quando não há esforço de ambas as partes não dá para nos esforçarmos em vão.
    Gostei bstante da forma como te exprimes.:)

    ResponderEliminar
  6. Texto lindíssimo, parabéns !
    :D
    vou seguir *
    (visita o meu novo blog e diz me o que achas :D)

    Um beijinho *

    ResponderEliminar
  7. sempre em altas, eu amo todos os teus textos, nem vale a pena :$
    <3

    ResponderEliminar

« A única pessoa que nunca comete erros é aquela que nunca faz nada. »

Obrigado pela visita *