A menina que esperou e alcançou.

03:21

Ela levanta-se da cama assim que o sol invade o íntimo do seu quarto. Ele, não sente mais a sua pele quente e entreabre os olhos. Ela, sentada aos pés da cama com aquela vestimenta de alças branca (que condizia com a cor calma dos lençóis e das cortinas), bocejava e afagava a nuca. Ele, sem perder tempo, sentou-se na cama.

- Que horas são?
- Não sei.

Ao responder, ela virou-se para trás e admirou os traços do seu corpo. O peito nu e a barba por fazer. O cabelo aprumado (como se fosse possível) e os seus braços descansados sobre as pernas vestidas com as calças creme de fato-de-treino.


Ao vê-la, bonita como todas as manhãs, ele não se contém no sorriso e rasga um bem grande nos lábios finos. Ela, com as suas pernas delicadas e pés descalços levanta-se.  Mas Ele, com o seu toque masculino, agarra-a no pulso e puxa-a de volta para a cama. Deita-se sobre Ela e carinhosamente enquanto Ele, assim como  a beija com os olhos, a beija com os lábios de seguida.

- Sabes que mais? Não me interessa que horas são. Estás comigo, isso é que importa. Mas não te levantes, espera por mim e caminhamos juntos.

Ela, sem receios sorriu e colocou as palmas das mãos no seu peito. Os olhos Dele brilharam e isso ficou guardado para sempre na imagem daquela menina.

E hoje, Ela ainda se lembra Dele: quando passa por uma loja de vestidos de noiva. Brancos como as suas manhãs. Ela sempre soube, sempre esperou por Ele. Ele era o tal. Mas até O tal se vai embora um dia... Mas Ela, sabendo isto, nunca chorou. E a esperança acompanha-A todas as manhãs brancas esperando, pacientemente e sem sorrir, pela felicidade.

( fotografia por Phil Hilfiker)

You Might Also Like

73 comentários

  1. Quem espera sempre alcança, haha.

    gostei imenso :)

    ResponderEliminar
  2. adoreiii.
    simplesmente fantástico.
    adoro a tua maneira de criar cenários, com tudo ao pormenor.
    Beijinho Paulo *

    ResponderEliminar
  3. está perfeito Paulooooo (: o:
    obrigada <3

    ResponderEliminar
  4. sim , tens razão .. mas eu não tenho nada a ver com ele , já não me quero meter mais na vida dele (é o meu melhor amigo :x)
    - este texto .. ui .. nem tenho palavras , está absolutamente extraordinário , é tão bonito , tão perfeito ! aii (:
    ( e o abraço .. pois .. :s )

    ResponderEliminar
  5. tão bonito Paulo !
    tens razão a amizade é um sentimento forte e LINDO :D

    ResponderEliminar
  6. está simplesmente LINDO, adorei (:

    ResponderEliminar
  7. De nada (:
    escreves para alguém em especial ou é apenas a tua imaginação a funcionar ? *-*

    ResponderEliminar
  8. pois por ficar diferente é q optei por 'ser' mae , e nao adolescente, eheh.

    obrigada pelo comment, sorri qnd o li, e fico muito feliz por teres gostado do(s) post(s)

    ResponderEliminar
  9. não agradeças, o teu texto está mesmo lindo (:

    ResponderEliminar
  10. Que texto mais quentinho! :3
    Adorei mesmo, deixas qualquer um sonhador por todos estes momentos.

    Mas sabes, como me comentas-te, os fins - concordo - nunca serão totalmente limitados. Infelizmente, não falo ali de um desses fins: falo de um limite. Falei por me lembrar de uma pessoa especial que, talvez, no final de um 12º ano, a perca.
    Espero, no entanto, com bastante esperança, que tal se prolongue, que seja mais um fim sem final concreto.

    Obrigada por tudo. :)

    ResponderEliminar
  11. passam bem por acontecimentos perfeitamente reais *.* são muito bem pensados.

    ResponderEliminar
  12. fui pela viagem das tuas palavras!

    um abraço!

    Hedu

    ResponderEliminar
  13. Adorei, mesmo. :'$ Amei todos os teus posts! :D

    ResponderEliminar
  14. Foste tu que escreveste?! Brutal!
    Asério, adorei... Está lindo lindo lindo
    Mostras-te me uma imagem tão claro do texto, consegui imaginar tudo e a imagem está muito bem ilustrada!

    Também gostava de ser positiva como tu, quanto dizes que a minha "sorte" vai mudar...
    Beijinhos J

    ResponderEliminar
  15. Entre o triste, o nostálgico e o esperançoso. Bem contado, e sobretudo um caminhar interior que devia ser sabedoria de vida para muita gente em vez das depressões por pessoas que talvez nao mereçam tanto...

    Um FEliz Ano Novo essencialmente com alegria e paz :)

    beijinhos

    ResponderEliminar
  16. Quanto romantismo....
    Muito bom
    Forte abraço

    ResponderEliminar
  17. são textos destes que me levam a apagar as coisas, porque quando escrevo textos destes dirijo-me sempre indirectamente a alguém e como sou estável, prontos, dá-me e apago.
    quando quiseres mais avisa :3

    ResponderEliminar
  18. Está sublime, sem duvida.
    "juntos voaremos mais alto" o que é pena é que um dia um perde as asas.
    Espantoso, senti-me arrepiada por completo.
    *beijo

    ResponderEliminar
  19. esta tua maneira de mostrar um sentimento que eu aposto que todos sonham/sonhavam ter é de deixar qualquer um levar os seus sentimentos e pensamentos ao limite acredita.

    - A tua forma de mostrar isso mesmo é linda, e fazes-me imaginar e sentir tal momento, o que é bom. (:

    ResponderEliminar
  20. Sinto-me um pouco enquadrada neste texto meu amor <3

    ResponderEliminar
  21. exagero nada, está perfeito mesmo !

    ResponderEliminar
  22. ahaha, ñ faz mal :b
    escala é, por exemplo cm eu fiz, estas em londres e queres ir p portugal. vais de londres ate madrid e em madrid mudas de aviao p ires p o teu pais de destino.

    ResponderEliminar
  23. muito obrigada pela tua opinião, seguirei as dicas (:

    ResponderEliminar
  24. Ahahah isso é optimo! Sempre me ensinaram a dizer as verdades e que as coisas bem feitas devem ser recompensadas!
    E ainda bem que gostas-te da foto... Estou um bocadinho esquesitaXD

    ResponderEliminar
  25. é claro que não levei o:
    é com estas coisas que se aprende e se é capaz de melhorar, nada é perfeito (:

    ResponderEliminar
  26. eu tenho o blogue mesmo mesmo a 5 meses.
    ó talento ? ahaha olha quem fala

    ResponderEliminar
  27. Gostei, gostei bastante! Vou seguir :]

    ResponderEliminar
  28. -ó a serio? ainda bem que te fiz sorrir é para isso que eu sirvo mesmo não sendo muito chegada a ti (:

    beijinhos +.+*

    ResponderEliminar
  29. Oh é claro.
    contudo, adorei o texto, o teu coment, tudo
    *

    ResponderEliminar
  30. ahah, eu não sou querida de todo u.u

    ResponderEliminar
  31. ahaha não sei não paulo.
    se eu tenho talento, então tu, uiuiui !

    ResponderEliminar
  32. Es mais (:
    .eu amo os teus textos, fogoo ! +.+*

    ResponderEliminar
  33. Não sei se será bem assim.
    Mas a vida é um pouco isto tambem, 3 meses aqui, 3 meses ali.
    beijo*

    ResponderEliminar
  34. penso que todos nós temos um pouco de confusos e baralhados, mas compensamos, com a nossa expontaneadade, imaginação e creatividade, e isto aplica-se a ti, a mim, e a todos que temos este dom de escrever, e exteriorizar ideias, pensamentos, uns com os outros (:

    ResponderEliminar
  35. não oh, apenas deste a tua opinião e eu estou aqui para a receber e aceitar (:

    ResponderEliminar
  36. mas eu estava a falar disso mesmo, nunca te vi, não sei se és bonito por fora :3

    ResponderEliminar
  37. Só, explique. No final ela acabou não ficando com ele?
    Gostei muito da sua escrita ;}

    ResponderEliminar
  38. gostei imenso.
    adorei a forma como consegues criar um cenário de profundo amor.

    ResponderEliminar
  39. paulo, está lindo :)
    esse natal, foi melhor?
    beijinho grande

    ResponderEliminar
  40. oh, obrigada paulo :) limito-me a escrever o que vai cá dentro..
    beijinho :)

    ResponderEliminar
  41. Gostei muito do texto,
    E mais ainda do blog, vou seguir ^-^

    ResponderEliminar
  42. *.*

    Estive fora, e sei que NÃO venho nada atrasado, portanto, feliz ano novo (:

    ResponderEliminar
  43. « isto sim é perfeição plena $:

    ResponderEliminar
  44. Wow, adorei.
    *.*
    o texto está lindo. :$

    ResponderEliminar

« A única pessoa que nunca comete erros é aquela que nunca faz nada. »

Obrigado pela visita *